Processos de fabricação em PRFV

Quando falamos em PRFV (Plástico Reforçado com Fibra de Vidro) é importante entendermos que estamos falando da matéria prima e não de um processo de produção específico. Existem diversos processos para a obtenção dos produtos, onde veremos a seguir:

Laminação manual

Consiste na aplicação manual em um molde específico de composto resinado, fibra de vidro picada e outros elementos. É possível a aplicação de gel coat (um gel específico aplicado ao molde antes da fibra de vidro) para que a aparência do produto final seja melhorada. Desta forma podem ser produzidas piscinas, barcos, escorregadores de parques infantis, estrutura externa de ônibus, etc.

Pontos positivos: alta liberdade de geometria da peça final, baixo custo do produto, baixo custo de implementação.

Pontos negativos: baixa resistência mecânica, baixo volume de produção, baixa precisão (processo manual, dependendo da precisão do operador).

Laminação contínua

Semelhante a laminação manual, a contínua utiliza-se de uma mesa rolante contínua onde a fibra de vidro é despejada de forma uniforme e, após, aplica-se a resina e elementos de catálise. A espessura da peça final é dada pela velocidade da esteira, onde geralmente é trabalhada com peças de até 3mm. Desta forma, obtém-se chapas planas (para tampas, laterais de caminhões, paredes), telhas em PRFV, dentre outros.

Pontos positivos: volume de produção, custo do produto, custo de implementação.

Pontos negativos: baixa liberdade geométrica, baixa resistência mecânica.

Infusão

A partir de um molde negativo da peça que deseja ser produzido é colocada a fibra de vidro em forma de mantas. Acima destas, é inserido um plástico específico e é retirado todo o ar entre o molde e o plástico. Após, é aplicado, por diferença de pressão, a resina. Neste processo podem ser obtidos pás de aerogeradores, peças de veículos, embarcações, dentre outros.

Pontos positivos: alta liberdade geométrica, custo de implementação, alta resistência mecânica.

Pontos negativos: volume de produção, custo do produto.

Tech Composites comercializa produtos de grande resistência contra corrosão e fazem parte da sua linha de produtos: grelhas para piso em fibra de vidro, guarda-corpo em PRFV, parapeito em fibra de vidro, escada-marinheiro em fibra, escadas inclinadas, escadas para acesso, passarelas em fibra (PRFV), leito em fibra de vidro, eletrocalhas em PRFV, grade de proteção para correia transportadora, Shelters ou abrigos para subestações elétricas, perfis em Fibra de Vidro e projetos conforme especificações e necessidades do cliente.

Tech Composites executa obra de fechamento de Ralf na ETE – Lapa-PR

Mais uma obra é executada pela Tech Composites, e desta vez o local é na estação de tratamento de esgoto na cidade da Lapa-PR. Trata-se de uma estrutura de fechamento de ralf, com materiais pultrudados e laminados, produzidos com materiais em PRFV (Fibra de Vidro), onde são totalmente imunes a corrosão.

O material deve ser utilizado em locais onde se tenha alta agressividade química do ambiente, como: estações de tratamento de água, esgoto ou efluentes, indústrias de papel e celulose, fertilizantes, óleo ou gás, áreas costeiras dentre outras.

Tech Composites comercializa produtos de grande resistência contra corrosão e fazem parte da sua linha de produtos: grelhas para piso em fibra de vidro, guarda-corpo em PRFV, parapeito em fibra de vidro, escada-marinheiro em fibra, escadas inclinadas, escadas para acesso, passarelas em fibra (PRFV), leito em fibra de vidro, eletrocalhas em PRFV, grade de proteção para correia transportadora, Shelters ou abrigos para subestações elétricas, perfis em Fibra de Vidro e projetos conforme especificações e necessidades do cliente.

Confira algumas fotos da obra:

 

 

Tech Composites fornece escadas marinheiro para o Porto do Itaqui

[:pb]

Com o objetivo de acesso aos postes de iluminação do Porto do Itaqui (São Luis/MA) a Tech Composites fornece escadas marinheiro e patamares de descanso para 11 postes (de 24 metros de altura cada) ao porto, que tem alta influência em boa parte das regiões norte e nordeste do país. Além disto, o porto possui estrutura de sete braços operacionais e os berços para navios possuem profundidade de 12 a 19 metros, desta forma, permitindo atracação de navios de grande porte. O porto possui acesso através de rodovias federais e estaduais, além de conexões com outras duas ferrovias e todos estes acessos permitem com que tenha fácil escoamento de cargas na região.

O produto fornecido possui matéria prima o Plástico Reforçado com Fibra de Vidro (PRFV) pultrudado e é justamente indicado ao ambiente pois a maresia atacaria as escadas em aço, necessitando de troca periódica do material. Além disto, a Fibra de Vidro possui baixa manutenção e alta resistência mecânica, permitindo segurança aos operadores.

Tech Composites comercializa produtos de grande resistência contra corrosão e fazem parte da sua linha de produtos: grelhas para piso em fibra de vidro, guarda-corpo em PRFV, parapeito em fibra de vidro, escada-marinheiro em fibra, escadas inclinadas, escadas para acesso, passarelas em fibra (PRFV), leito em fibra de vidro, eletrocalhas em PRFV, grade de proteção para correia transportadora, Shelters ou abrigos para subestações elétricas, perfis em Fibra de Vidro e projetos conforme especificações e necessidades do cliente.[:]

Tech Composites é recertificada pela ISO 9001:2015

SOCIAL

 

ISO-9001-2015-LOGOA principal referência quando se fala em qualidade nas empresas é a ISO 9001, um conjunto de normas que visa orientar a implementação e manutenção de um sistema de gestão da qualidade (SGQ). Criada em 1987, a ISO 9001 sofreu pequenas alterações ao longo do tempo, visando apenas aclarar alguns pontos e tornar as normas mais compreensíveis para seus usuários (empresários, diretores, gerentes e técnicos). Contudo, desde 2012 vem sendo trabalhada uma mudança mais profunda na norma, que a coloque afinada com as exigências de um mercado cada vez mais competitivo e ágil.

Em junho de 2017 a Tech composites foi recertificada pela ISO 9001:2015 (versão mais atualizada). Poucas empresas receberam essa certificação devido aos rigorosos procedimentos de qualidade impostos pela norma. Isso garante a empresa um setor administrativo e produtivo mais enxuto que resulta em uma melhor prestação de serviços e atendimento ao cliente sem esquecer de sua responsabilidade com  o meio ambiente.

Tech Composites comercializa produtos de grande resistência contra corrosão e fazem parte da sua linha de produtos: grelhas para piso em fibra de vidro, guarda-corpo em PRFV, parapeito em fibra de vidro, escada-marinheiro em fibra, escadas inclinadas, escadas para acesso, passarelas em fibra (PRFV), leito em fibra de vidro, eletrocalhas em PRFV, grade de proteção para correia transportadora, Shelters ou abrigos para subestações elétricas, perfis em Fibra de Vidro e projetos conforme especificações e necessidades do cliente.

, ,

Laminado plano em PRFV assegura superfícies muito mais higiênicas e resistentes

Para se obter um revestimento durável e resistente, que não mofa, não apodrece e nem corrói, a melhor opção é o laminado plano em PRFV (plástico reforçado com fibra de vidro), com superfície selada. O produto é especialmente desenvolvido e recomendado para ambientes que necessitam de higiene, esterilização ou desinfecção.

A solução recebe proteção antimicrobiana, inibindo por toda a vida útil do produto o crescimento de bactérias e fungos, além de manter as superfícies com aparência de novas por mais tempo. Outro fator que garante a durabilidade e eficiência do laminado de PRFV é a aplicação da resina e del coat. Isso facilita de forma significativa a limpeza, com resistência contra manchas e abrasão.

Tech Composites comercializa produtos de grande resistência contra corrosão e fazem parte da sua linha de produtos: grade de piso em fibra de vidro, guarda-corpo em PRFV, parapeito em fibra de vidro, escada-marinheiro em fibra, escadas inclinadas, escadas para acesso, passarelas em fibra (PRFV), leito em fibra de vidro, eletrocalhas em PRFV, grade de proteção para correia transportadora, Shelters ou abrigos para subestações elétricas, perfis em Fibra de Vidro e projetos conforme especificações do cliente.

04 curitiba

, ,

Agronômica recebe reservatório com capacidade de 150 mil litros

Está sendo instalado pela CASAN no município de Agronômica, no Alto Vale, um reservatório com capacidade para 150 mil litros de água. O tanque fabricado em Plástico Reforçado com Fibra de Vidro (PRFV) vai beneficiar aproximadamente mil moradores da área central da cidade.

O tanque é o primeiro de grande capacidade em PRFV instalado pela CASAN no Estado. A estrutura possui 3,80 metros de diâmetro e 14,18 de altura, contando com Sistema de Proteção contra Descargas Atmosféricas (SPDA), escadas e uma plataforma de acesso.

“Um dos diferencias desse tipo de reservatório é a facilidade na instalação em pequenos terrenos e na manutenção. Outra vantagem é a possibilidade de transferir a unidade para outro local sem grandes dificuldades”, explica o engenheiro  sanitarista Rangel Barbosa, da Gerência Operacional da  Superintendência Regional de Negócios Norte/Vale do Rio Itajaí ( SRN). O  investimento é de R$ 149.240,96.

Fonte: Site CASAN, 02/02/2017.

A Tech Composites comercializa produtos de grande resistência contra corrosão e fazem parte da sua linha de produtos: grade de piso em fibra de vidro, guarda-corpo em PRFV, parapeito em fibra de vidro, escada-marinheiro em fibra, escadas inclinadas, escadas para acesso, passarelas em fibra (PRFV), leito em fibra de vidro, eletrocalhas em PRFV, grade de proteção para correia transportadora, Shelters ou abrigos para subestações elétricas, perfis em Fibra de Vidro e projetos conforme especificações do cliente.

Projeto1

www.techcomposites.com.br

, , , , ,

Tech Composites instala guarda-corpos em empresa de papel e celulose

Durante o mês de Outubro a Tech Composites realizou a remoção dos guarda-corpos existentes em aço (que não suportam a corrosão do ambiente) e foi realizada a instalação de guarda-corpos em PRFV (Fibra de Vidro) em uma empresa multinacional de papel e celulose no interior de São Paulo. Os guarda-corpos instalados atendem a norma NR-12, onde se trata de segurança no trabalho em máquinas e equipamentos, definida pelo Ministério do Trabalho e emprego.

 

Durante o processo de fabricação de celulose, mais especificamente na etapa de branqueamento é utilizado produtos químicos para deixar a celulose (inicialmente com coloração marrom) descolorida. Os agentes químicos atuam na estrutura molecular da lignina, descolorindo a polpa. Os vapores destes gases são corrosivos e agressivos ao aço e, como a fibra de vidro (PRFV) é totalmente imune a corrosão este material é utilizado em indústrias de papel e celulose. Outros ambientes que existem a corrosão e o material em Plástico Reforçado com Fibra de Vidro pode ser usado são em Estações de Tratamento de Água (ETA), de esgoto e/ou efluentes (ETE), indústrias de fertilizantes, indústria química/petroquímica, óleo e gás, mineração, alimentícia, dentre outros.

 

A Tech Composites comercializa produtos de grande resistência contra corrosão e fazem parte da sua linha de produtos: grade de piso em fibra de vidro, guarda-corpo em PRFV, parapeito em fibra de vidro, escada-marinheiro em fibra, escadas inclinadas, escadas para acessopassarelas em fibra (PRFV), leito em fibra de vidro, eletrocalhas em PRFV, grade de proteção para correia transportadora, Shelters ou abrigos para subestações elétricas, perfis em Fibra de Vidro e projetos conforme especificações do cliente.

 

escada-site

Clique e conheça nossos catálogos e  portfólio!

Empresas de fertilizantes comemoram alta nas vendas

Após um ano de 2015 difícil e com baixa produtividade no setor de fertilizantes, o mercado encerrou o mês de agosto com recorde histórico de vendas. Através do gerente agronômico e de desenvolvimento de mercado da Yara Fertilizantes, Yvan Almeida, os números indicam boa recuperação da área: “Os dados de Agosto comprovam um ritmo que já vinha mostrando um crescimento na faixa de 10% ao ano”. O mercado de fertilizantes no Brasil além de dar sinais de reação também comemora recordes. No último levantamento realizado pela Associação Nacional para Difusão de Adubos (ANDA) aponta que entre Janeiro e Agosto de 2015 houve um aumento de 10,3% a mais que o mesmo período do ano de 2014. Segundo Marcelo Mello, analista de mercado, este aumento deve-se a queda do valor do dólar (em relação ao ano anterior) e a melhora na relação de troca entre as sacas de grãos e a tonelada de fertilizante. As indústrias de fertilizantes encontram um grave problema de corrosão em suas instalações, em especial aos guarda corpos, grades de piso e vigas estruturais que compõem suas plantas fabris. Para resolver este problema a Tech Composites comercializa produtos em PRFV (Plástico Reforçado com Fibra de Vidro) para áreas corrosivas onde as estruturas produzidas não são afetadas. A Tech Composites também comercializa grade de piso injetada em PRFV, grade de piso montada pultrudada, escada – marinheiro em fibra de vidro, passarelas em PRFV, perfis pultrudados, tubo em fibra de vidro, transportadora de correia, proteções que atendem a NR-12, escadaria inclinada em fibra, leitos, eletrocalhas em PRFV e projetos especiais.

render-01

www.techcomposites.com.br

 

,

Processo de pultrusão em PRFV

Quem observa uma peça em plástico reforçado com fibra de vidro (PRFV) não imagina a complexidade e conhecimento técnico necessário para a confecção das peças. O processo de fabricação das barras em PRFV (Fibra de Vidro) é realizado através de uma máquina chamada de Pultrusora, onde o nome do equipamento vem do verbo inglês “to pull” (puxar) pois é fazendo uso de tracionadores a peça é puxada através do molde pré-definido em que as vigas e perfis são produzidos.

O processo tem início através das matérias primas Roving e Manta que são inseridas em uma forma pré definida. O Roving (que é formado basicamente por fios de fibra de vidro) são imersos em uma solução de resina especial para ataques químicos e pigmentação, onde neste momento é definida a resina e coloração das peças. Todos os itens são aquecidos através da máquina e os materiais se fundem, gerando um material sólido e apto a ambientes quimicamente agressivos. Os materiais produzidos não conduzem eletricidade e são totalmente imunes a corrosão.

Através da produção de diferentes peças a Tech Composites produzem grades de piso pultrudada e injetada, guarda-corpo em fibra de vidro, tampas em PRFV, escadas inclinadas, escadarias de acesso, escada tipo marinheiro, leitos, eletrocalhas e acessórios, chapas planas, vigas estruturais, grades de proteção para correia transportadora, proteções que atendem a NR-12, dentre outros.

Passarelas de acesso em PRFV

Visando facilitar a acessibilidade aos locais de difícil acesso as passarelas em Fibra de Vidro (PRFV) da Tech Composites tem como principal função o trânsito de pessoas e a manutenção de equipamentos, garantindo segurança ao operador. Composto de material com fácil instalação exigindo apenas furações e isento de solda os patamares e passarelas em PRFV são compostas por chassis em perfis estruturais de 6 polegadas podendo ser fixadas com mão-francesas, por exemplo. Para a área do piso são confeccionadas grades pultrudadas ou grade de piso injetadas, com altura de 1” ou 1.1/2” (25 ou 38mm) com superfície anti-derrapante.

Portfólio-Tech-2016-6

Produzidas a partir do processo de pultrusão os perfis da Tech Composites contém aditivos anti-UV e são compostos de resina especial para que os perfis não sofram ataque químico existente em diversos segmentos industriais. Este processo de produção garante que o perfil tenha resistência mecânica similar ao aço carbono, porém não é corroído pelos ácidos do ambiente.

Além deste produto a Tech Composites fabrica guarda-corpo pultrudado em fibra de vidro, grade de piso pultrudada em PRFV, grade de piso moldada, gradil injetado com resina, canaleta escada inclinada em Fibra de Vidro, escada-marinheiro em PRFV, leitos em fibra de vidro, eletrocalhas pultrudadas, talas de junção para bandejamento não metálico, tampa para estação de tratamento de água, esgoto e efluentes, dentre outro

Clique aqui e conheça os produtos da Tech Composites!